Autor Tópico: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas  (Lida 3095 vezes)

Offline TurboX

  • Feedback: (0)
  • Novato
  • *
  • Mensagens: 59
Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« em: 14 de Dezembro de 2016, 11:50:55 »
Tendo iniciado a minha colecção há pouco tempo, tenho procurado miniaturas antigas usadas da Bburago / Maisto, e embora nos anuncios os vendedores digam sempre que estão "como novos", tenho vindo a deparar com várias situações em que há uma bolha na pintura, uma porta que não abre corretamente, um manipulo nos interiores que desapareceu, etc.

São pormenores, mas que deixam-me na duvida - será que devo ligar a isto, tendo em conta que no geral tem bom aspecto, a pintura está brilhante, a caixa está ok, e tudo o resto funciona? Até que ponto se encontram unidades realmente sem nenhum problema?

Acredito que pelo menos parte destes problemas sejam de origem, e que os proprietários por terem comprado e metido numa prateleira até hoje, nem nunca repararam neles...

Pelo que tenho lido, inclusive marcas mais conceituadas como Kyosho, Autoart, CMC e afins apresentam por vezes defeito de fabrico, ou outros que surgem com o tempo. No caso destes Bburago / Maisto, provavelmente quase todas as pinturas apresentam algum tipo de defeito.

Por curiosidade, quais são as vossas experiencias neste tema? Tentam corrigir, deixam andar, evitam comprar de todo?

Offline LM

  • Moderador Global
  • Feedback: (+16)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 5200
  • 1:18 Transporters / Porsche Service & Plain Body
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #1 em: 14 de Dezembro de 2016, 12:12:36 »
O meu conselho, comprar ao vivo e a cores, se nao estiver como tu queres e questionaste antes, devolve.

Quanto ao resto é normal, até nas melhores existem defeitos.

Mantém a procura, há sempre algum quase perfeito, que mais cedo ou mais tarde encontrarás  [:happy14:]


"...we have been working hand in hand with the engineers on this project to ensure FORD FOCUS RS will be a pure driver's car.."

COLIN MCRAE

Offline Andreso

  • Feedback: (+68)
  • Colecionador Iniciante
  • **
  • Mensagens: 1292
  • "Não há substituto"
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #2 em: 14 de Dezembro de 2016, 12:30:59 »
Encontrar alguns defeitos ou imperfeições em BBurago's e Maisto's considero "normal". Afinal estamos a falar de marcas "low cost" onde o controlo de qualidade não é muito exigente, os materiais usados são mais fracos e são produzidos em grandes quantidades. É-me mais difícil de aceitar em marcas "Premium" pois o valor que pagamos é muito superior, logo devemos ser mais exigentes. Mas mesmo assim, e falo por mim, à um ou outro defeito que por vezes deixo passar, ou porque a miniatura em questão é difícil de arranjar, ou porque é algo insignificante e o trabalho que possa dar para a trocar/devolver não justifica, ou é algo que possa ser reparável.

Bolhas na pintura todos eles sofrem ou podem sofrer. Depende bastante das condições em que as miniaturas são armazenadas, se estiveram expostas, etc.

Já tive bastantes BBurago's e Maisto's durante anos, vendi quase tudo (e ainda tenho alguns para vender) e, tirando um ou outro, estavam todos como novos.

Compras de artigos em segunda mão (e quanto a mim não se aplica só a miniaturas), sempre que possível efectuo em mão. Assim tenho a possibilidade de poder ver em que condições se encontra efectivamente, mas mesmo assim existe a possibilidade de escapar algum defeito.
Pedro Andreso
    - Apresentação
    - Garagem Andreso
    - Miniaturas para venda

Offline TurboX

  • Feedback: (0)
  • Novato
  • *
  • Mensagens: 59
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #3 em: 14 de Dezembro de 2016, 14:57:14 »
Mantém a procura, há sempre algum quase perfeito, que mais cedo ou mais tarde encontrarás  [:happy14:]

LM, ainda há umas horas tive um negócio em mão de 2 miniaturas, 1 estava efetivamente como esperado - com 20 anos e rigorosamente nova - e enquanto morosamente ia analisando a outra descobri um defeito na pintura, que claramente foi devido ao passar dos anos - surgiram bolhas numa zona e até tinta saltou com o "encolher" da tinta... lembrei-me deste teu comentário e decidi rapidamente por não avançar com esse  [:wink01:]

Penso que isto também vai com a prática, nós vamos conhecendo melhor o nosso nível de exigência, e quando já se viram muitos carros é mais fácil perceber o que é comum ou não. Eu pelo menos começei há pouco tempo e já abordo a coisa de outra maneira, já peço logo à pessoa "tem de me dar aqui uns minutos, pode ser?"  [:lol02:]

Uma coisa que também já percebi - das 2 uma, ou desisto do negócio, ou posso aproveitar para baixar o preço. Como normalmente a pessoa quer é ver-se livre destas miniaturas que ocupam tanto espaço, aceitam  [:happy72:]
« Última modificação: 14 de Dezembro de 2016, 14:59:05 por TurboX »

Offline BoxexasFerrari

  • Ferrari & Volkswagen
  • Feedback: (+6)
  • Colecionador Iniciante
  • **
  • Mensagens: 1167
  • O meu Blog http://boxexas-diecast.blogspot.pt/
    • http://boxexas-diecast.blogspot.pt/
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #4 em: 14 de Dezembro de 2016, 20:33:59 »
Boas

É "normal" encontrar defeitos em miniaturas mais antigas, tenho vários modelos Bburago repetidos e de uns para outros, as portas nuns são mais rijas a abrir que os outros, a pintura apresenta aquelas pequenas bolhas, mas isso até no meu Golf da Norev com 1 ano acontece! E está guardado na caixa com 3 sacas anti humidade dentro de outra caixa com várias miniaturas...

Acho que encontrar uma miniatura 100% sem defeitos é complicado! Mesmo até nas premium, existem sempre alguma coisa que foi feita à pressa. Agora, tudo depende do defeito e da miniatura claro!

Abraço

Offline LandCarlos

  • Feedback: (+3)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 5628
  • The best 4x4xfar!!!!
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #5 em: 14 de Dezembro de 2016, 21:33:10 »
Nos Maisto, Bburago, Solido, etc. acontece mais do que gostaríamos, até porque, dado o price range da peça, nem os materiais são os melhores, nem o controlo de qualidade é o mais eficaz, o que não garante que não aconteça num Kyosho ou num BBR... Como diz o LM e bem, nestes casos e havendo essa possibilidade, verificar sempre antes de efectuar a compra. E nada de pressas, será uma questão de tempo até aparecer a melhor miniatura!

Offline X-Filer

  • João Góis
  • Moderador Global
  • Feedback: (+18)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 10732
  • They're back...!
    • Pombocaca
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #6 em: 20 de Dezembro de 2016, 13:23:00 »
Uf... essa questão tem muito que se lhe diga e podíamos ficar aqui até amanhã de manhã. Em relação a compras a peças em segunda mão, não penses, de todo, que o problema é só nas marcas mais baratas ou nas peças de grande volume onde o cuidado no fabrico é, naturalmente, menor. Na minha experiência de compra de todo o tipo de peças já tive todo o tipo de surpresas: desde peças baratas em estado imaculado a carros que me chegaram completamente destruídos, modelos indicados "como novo" que estavam efectivamente como novos, modelos indicados "como novos" que só me apetecia atirá-los à cara do vendedor, modelos com portas coladas, peças em falta, riscos, etc. etc. etc... é tudo uma questão de risco. Quem anda nisto há alguns anos que me diga que nunca comprou uma peça danificada ou que só tem miniaturas perfeitas, só pode ser uma coisa: mentiroso. Todos nós já fizemos compras boas, más, excelentes e horríveis. Tudo depende do risco que cada um está disposto a correr para obter determinada peça. Obviamente que se pudermos ver as peças em mão é sempre preferível mas, para teres uma ideia, mais de metade da minha colecção veio do estrangeiro por isso se fosse por aí... [:whistle:]

As bolhas que referes são derivadas das condições ambientais de armazenamento. Em condições de humidade relativa do ar superior a 60% ocorre a separação da fracção de zinco da liga metálica em que as carroçarias são feitas, pelo que é altamente aconselhável fazer a correcção da humidade nessas condições. Como diz o Boxexas, é um fenómeno que ataca rápido se não tivermos cuidado, por esse motivo tenho um desumidificador a funcionar em contínuo na zona onde tenho a maioria das peças e, onde tenho as restantes, tenho aquilo apinhado de "almofadas" de sílica gel... e mesmo assim acho que tenho que fazer mais!!

Offline TurboX

  • Feedback: (0)
  • Novato
  • *
  • Mensagens: 59
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #7 em: 06 de Janeiro de 2017, 22:15:50 »
Obrigado pelos esclarecimentos pessoal! Sim, cada vez chego mais à conclusão que numa colecção poucas serão as miniaturas "perfeitas", umas podem ter mais ou menos defeitos, mas mesmo novas há sempre aquele decalque torto, pintura com falha, porta que não se segura, ou o que seja.

Ao comprar usado, para conseguir fazer uma análise cuidada era preciso irmos equipados de uma lanterna, tirar a miniatura da caixa, e andar a vasculhar tudo de alto a baixo... o que na prática é meio ridículo, provavelmente chegando a casa com mais tempo descobre-se sempre algo mais.

Faz-me um bocado de confusão, mas chego à conclusão que isto faz parte do hobby. Aceitar estes defeitos faz parte do "amadurecer" como coleccionador.

Offline jpsantiago

  • João Ribeiro
  • Feedback: (+21)
  • Fanático do Diecast
  • ****
  • Mensagens: 4392
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #8 em: 09 de Janeiro de 2017, 10:10:41 »
Aceitar estes defeitos faz parte do "amadurecer" como coleccionador.

Sim, mas não é só isso... Principalmente, saber distinguir o que é "aceitável" a nível de defeitos e o que não é... Tendo em conta o preço de cada mini, aquilo que é aceitável muda bastante  [:happy14:]

E é preciso aceitar que miniaturas 100% perfeitas em termos das minuciosidades todas são muito raras ou mesmo inexistentes  [:wink01:]

Offline TurboX

  • Feedback: (0)
  • Novato
  • *
  • Mensagens: 59
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #9 em: 09 de Janeiro de 2017, 11:09:33 »
É isso mesmo jpsantiago. Outra coisa que me faz pensar é casos em que temos um bom negócio em mãos, mas que a miniatura vem sem caixa. Até agora, resisti sempre a negócios sem caixa, porque para além de valorizar a mini, torna tudo mais fácil no caso de um "move", mas por vezes dá mesmo vontade de avançar.

Como fazem voces? Já compraram muita coisa sem caixa?

Offline jpsantiago

  • João Ribeiro
  • Feedback: (+21)
  • Fanático do Diecast
  • ****
  • Mensagens: 4392
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #10 em: 09 de Janeiro de 2017, 11:22:29 »
Eu já comprei várias miniaturas sem caixa... Sempre que o faço, falo bastante com o vendedor para tentar perceber a seriedade dele, e peço o máximo de fotos possíveis, para tirar as minhas próprias conclusões acerca de se devo comprar ou não.

Em muitos casos, até prefiro que venha sem caixa porque isso desvaloriza a miniatura e então consigo comprá-la mais barata.

Offline X-Filer

  • João Góis
  • Moderador Global
  • Feedback: (+18)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 10732
  • They're back...!
    • Pombocaca
Re: Problemas detectados ao comprar miniaturas antigas
« Responder #11 em: 11 de Janeiro de 2017, 15:18:45 »
Obviamente que tento sempre que possível comprar as miniaturas com caixa, não só valoriza mais a colecção (não que faça intenção de as vender mas nunca se sabe o dia de amanhã), como também ajuda na arrumação das mesmas quando, como é o meu caso, não tenho condições para as expor. Mas para te dar um exemplo, o Ferrari 250 GT Berlinetta Lusso HW que comprei há uns 6 ou 7 anos veio sem caixa, entretanto fui trabalhando-o e eventualmente encontrei um outro novinho em folha... que comprei só para ficar com a caixa, pois é muito catita (tem fotos do carro original na caixa e a base replica a tampa das válvulas do V12 Colombo). Agora, há certas peças, como o JP diz, que comprei sem caixa pois assim consegui um negócio decente sem pagar um balúrdio. Não é que nesses casos preferisse que viessem sem caixa, o que acontece é que os (muito) poucos que apareciam vinham a preços absurdos e assim há que também saber agarrar a oportunidade!