Autor Tópico: Garagem do Buckrog: VW Carocha "Modificado PSP"  (Lida 401756 vezes)

Offline RicardoR

  • Feedback: (+8)
  • Colecionador Bronze
  • ***
  • Mensagens: 2334
  • "Il secondo è il primo dei perdenti." Enzo Ferrari
    • Garagem do Ricardo
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2100 em: 21 de Junho de 2013, 12:43:53 »
Já conhecia a história através de um filme interpretado pelo Jeff Bridges. À parte de algumas expressões em "brazilês", o texto está bom e completo, deixando aquela tristeza de um projecto tão feliz ter sido boicotado.

Relativamente à miniatura penso concordar com toda a análise feita. Realmente, ao final do dia é uma peça fantástica que vale bem a pena ter. O pormenor das malinhas na bagageira está muito giro e a cor é realmente a melhor.

Excelente entrada [:happy72:]

Offline LandCarlos

  • Feedback: (+3)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 5617
  • The best 4x4xfar!!!!
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2101 em: 21 de Junho de 2013, 13:28:24 »
Sem dúvida, um belo americano! Não sendo rico em detalhes creio que vale a pena ter e nesta tua garagem tão variada, fará todo o sentido que exista um! Acho o desenho particularmente feliz, aquele farol tornou-se imagem de marca e há-de ser uma bela de uma banheira, no bom sentido obviamente, segundo se consta, para além do avanço tecnológico, era super confortável! Há por cá um Aa ou Kyosho ( não me recordo o fabricante, do Miguel_V40, se não me engano) e a miniatura é linda mas muito mais cara! Este cumpre muito bem, a côr é bonita e até traz bagagem! Impecável!  [:happy72:]

Offline Johntag

  • Feedback: (+8)
  • Entusiasta do Diecast
  • ***
  • Mensagens: 2760
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2102 em: 21 de Junho de 2013, 13:55:30 »
Grande entrada pela variedade de tema, exclusividade (só foram construídos 51), pelo exotismo de ser um estranho carro avançado para o seu tempo e pela a sua importância histórica ... O david morto à nascença...

Concordo c ricardoR e c o landcarlos .... Simples mas eficaz
Temos todos, creio eu, uma ligeira pena das folgas .... São um bocadinho enormes
Boa intro  [:happy72:]... E nas fotos acho q se percebe o q dizes da pintura .... Parece mto boa  [:happy72:]
E ja ando a namorar este modelo à uns tempos mas na outra cor .... Não nesta cor do francis ford Coppola

Um verdadeiro exemplo de um david contra golias   [:sad01:] e onde como na maioria das vezes o david perde .... Grande historia e uma vergonha para a industria automóvel americana

Em jeito de nota de rodapé... contam as más línguas das teorias mais conspirativas q o filme sobre o tucker (1988) realizado pelo francis ford coppola resultou da vontade de valorizar o tucker q era propriedade sua

Grande grande entrada ... Mais uma ... Mto bom Rogério  [:happy72:] [:happy72:] [:happy72:]



Offline ClioWilliams

  • The baguette aficionado.
  • Feedback: (+29)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 5966
  • Vendo ou troco rins por miniaturas AUTOart.
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2103 em: 21 de Junho de 2013, 15:04:46 »
Sempre achei este carro diferente, mas elegantíssimo. Tenho aqui no quarto um fascículo sobre este carro, que saiu há muuuuuuuuuuuitos anos com o 24Horas, e foi com ele que aprendi a gostar do Torpedo.

A miniatura é bastante razoável, e com uma cor belíssima! O pormenor das malinhas é delicioso, e as tuas fotos saíram muito boas!

Parabéns Rogério.  [:wink01:]

Offline X-Filer

  • João Góis
  • Moderador Global
  • Feedback: (+18)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 10672
  • They're back...!
    • Pombocaca
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2104 em: 21 de Junho de 2013, 17:55:13 »
Este é um dos carros que, só pela sua história, vale a pena ter (por esse motivo tu eras um dos poucos que aqui pelo fórum teriam um destes na colecção... e eu outro! [:whistle:]) e a miniatura até não está má... mas olhando para o Kyosho (Carlos, não é AA, eles não querem saber de carros destes) este fica a "saber a pouco". É certo que a cor é bonita e a pintura brilhante e lustrosa mas depois o interior e motor desiludem. Mas para um Road Signature até nem está nada mal!! [:happy14:]

... Kyosho ( não me recordo o fabricante, do Miguel_V40, se não me engano) e a miniatura é linda mas muito mais cara!

Não só é muito mais caro como terrivelmente difícil de encontrar. Eu tive sorte e orientei um para mim a preço razoável (para a raridade da peça, actualmente descontinuada). Um dia logo o posto... [:whistle:]

Offline Pvale

  • Feedback: (+9)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 7397
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2105 em: 21 de Junho de 2013, 18:12:34 »

Não só é muito mais caro como terrivelmente difícil de encontrar. Eu tive sorte e orientei um para mim a preço razoável (para a raridade da peça, actualmente descontinuada). Um dia logo o posto... [:whistle:]
tens uma raridade dessas e não mostras ao pessoal ? ai ai ai ...  [:bang:]
 
Este carro chega a ser lindo de tão estranho que é ... pode ser que um dia venha um desses para cá  [:yap:]
 
 
Boa entrada  ! mais um classico de respeito  [:happy14:]
 

Offline Caldas

  • Daniel Caldas
  • Moderador Global
  • Feedback: (0)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 6467
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2106 em: 21 de Junho de 2013, 20:33:59 »
É um belo clássico, mas apesar de não ficar mal em vermelho, penso gostar mais do azul

Offline Miguel_V40

  • Feedback: (+84)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 7515
  • Miguel Ferreira
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2107 em: 22 de Junho de 2013, 00:28:06 »
O facto de ter o Kyosho que está espectacular faz-me olhar para este com outros olhos, além disso nunca gostei desta cor mas tentando ser razoável, é uma miniatura porreira, com um nível bastante aceitável que representa muito bem um carro espectacular cheio de história  [:happy72:]

Offline jpsantiago

  • João Ribeiro
  • Feedback: (+21)
  • Fanático do Diecast
  • ****
  • Mensagens: 4404
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2108 em: 22 de Junho de 2013, 01:27:17 »
É uma representação muito vompetente de um carro com uma história fascinante.

O texto está bom e completo, eu conhecia a história mas em traços muito gerais... Um dia ainda tenho d ever o filme do Jeff Bridges  [:yap:]

É realmente lamentável o boicote à criatividade e inovação...

Quanto à miniatura, gosto muito da cor e o pormenor das malinhas está óptimo! No geral, está bem reproduzida, com bons detalhes e correcção geral.

Parabéns pela peça  [:happy72:]

Offline buckrog

  • Rogério Henriques
  • Feedback: (+22)
  • Colecionador Silver
  • ****
  • Mensagens: 3186
  • Um apaixonado por automóveis...
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2109 em: 23 de Junho de 2013, 23:58:16 »
Obrigado pelos comentários, mais uma vez. Este é um carro emblemático e tinha que o ter...

 [:happy14:]
O mundo está cheio de coisas bonitas...


Visitem a garagem do Buckrog, que vale bem a pena...
-> http://www.forum-diecast.pt/index.php?topic=7741.0

Offline TeeJay

  • Feedback: (+36)
  • Génio das Miniaturas
  • *****
  • Mensagens: 9646
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2110 em: 24 de Junho de 2013, 00:48:03 »
Tive um da Kyosho, é uma máquina muito imponente! O meu era azul, e acho que azul e preto são as cores que combinam melhor com o carro. De qualquer forma, é sempre uma boa compra  [:happy72:]

Offline Petrelli

  • Feedback: (+8)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 4614
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2111 em: 24 de Junho de 2013, 12:44:57 »
Gostei! [:happy72:]
É uma miniatura competente que representa muito bem o modelo em questão.
Também apreciei a cor e a pintura.

Bela entrada! [:yap:]

Offline Bypo

  • Feedback: (+36)
  • Colecionador Platinum
  • *****
  • Mensagens: 4902
  • AMG Black Series & AMG Petronas F1 Team & 2'WC #44
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2112 em: 25 de Junho de 2013, 00:03:38 »
Que cenário que ele manda!  [:lol02:] então nessa cor...! Brutal!  [:yap:] só é pena as folgas porque de resto está porreiro!  [:happy72:] é pena que modelos mais diferentes como este não sejam feitos por marcas mais elaboradas...  [:thumbdown:]

Mas oh sr. Rogério, então nunca há umas fotos ao ar livre? Esta pintura merecia! Tem um tom que ficava...  [:babado:]

Offline buckrog

  • Rogério Henriques
  • Feedback: (+22)
  • Colecionador Silver
  • ****
  • Mensagens: 3186
  • Um apaixonado por automóveis...
Re: A Garagem do Buckrog: Tucker Torpedo (1948)
« Responder #2113 em: 25 de Junho de 2013, 00:28:11 »
Que cenário que ele manda!  [:lol02:] então nessa cor...! Brutal!  [:yap:] só é pena as folgas porque de resto está porreiro!  [:happy72:] é pena que modelos mais diferentes como este não sejam feitos por marcas mais elaboradas...  [:thumbdown:]

Mas oh sr. Rogério, então nunca há umas fotos ao ar livre? Esta pintura merecia! Tem um tom que ficava...  [:babado:]

Sobre fotos ao ar livre, eu tenho pouco tempo e o meu spot é na varanda... fica mais à mão... [:whistle:]. Talvez qualquer dia, se arranjar companhia de outros maluquinhos como eu e um bom spot exterior....

Não me chames Sr. Rogério, que eu ainda afino... [:tongue10:]
O mundo está cheio de coisas bonitas...


Visitem a garagem do Buckrog, que vale bem a pena...
-> http://www.forum-diecast.pt/index.php?topic=7741.0

Offline buckrog

  • Rogério Henriques
  • Feedback: (+22)
  • Colecionador Silver
  • ****
  • Mensagens: 3186
  • Um apaixonado por automóveis...
Re: A Garagem do Buckrog: Duesenberg J LeBaron Dual Cowl Phaeton (1930)
« Responder #2114 em: 28 de Junho de 2013, 23:40:38 »
A miniatura é uma Signature Models e já mostrada cá no Fórum recentemente, mas com outro jogo de cores. Para mim, fica melhor assim, mas são gostos… Eu já tinha prometido que a mostrava. Até a levei para a Mealhada para me meter com o Miguel…

Duesenberg J LeBaron Dual Cowl Phaeton (1930)

Em 1913, os irmãos Frederick Samuel e August Samuel Duesenberg fundaram a Duesenberg Automobile & Motors Company, Inc. em Des Moines, Iowa, para construir carros desportivos. Os dois irmãos eram engenheiros autodidatas e construiram muitos carros experimentais. Os Duesenberg eram considerados alguns dos melhores carros da época, sendo construídos integralmente à mão.

Logo em 1914, Eddie Rickenbacker conduziu um "Duesy" terminando em 10º lugar nas 500 Milhas de Indianápolis. Em 1923, os Duesenbergs foram usados como pace-cars em Indianapolis. Depois um Duesenberg venceu a corrida em 1924, 1925 e 1927. Na Europa, um Duesenberg venceu o Grande Prêmio da França em 1921 na pista de Le Mans.

Em 1926, E.L. Cord, o proprietário da Auburn Automobile e de outras empresas automóveis comprou a empresa, com o objectivo de produzir carros de luxo e desafiou Fred Duesenberg a projetar um automóvel que deveria ser o melhor do mundo. Cord queria o maior, mais rápido e mais caro carro feito até à altura. Queria competir com os carros mais potentes e luxuosos da Europa da época, como os Hispano-Suiza, os Isotta-Fraschini, os Mercedes-Benz, ou os Rolls-Royce, para citar apenas alguns. Fred levou 27 meses a conceber o modelo.

O primeiro protótipo J, criado em fevereiro de 1927, foi o Modelo Y. Dois carros foram construídos com motores de 320 cubic inches (polegadas cúbicas), ou seja 5,2L de cilindrada. Fred achava que carros mais leves e menores, com motores de maior rotação seriam a configuração ideal. Cord não concordava e vetou o modelo Y após os primeiros testes. O próximo protótipo foi o modelo H, que só existiu no papel e variava apenas ligeiramente do modelo anterior.

Em fevereiro de 1928, nasceu o modelo J, que se estreou pela primeira vez em 01 de dezembro no Salão de Nova Iorque de 1928. Na Europa, foi lançado no Salão de Paris de 1929. O primeiro e único exemplar, no momento da apresentação em Nova York, foi o J-101, com acabamentos em prata e preto. Quando surgiu a crise de em Outubro de 1929, a Duesenberg tinha construído apenas cerca de 200 carros. Mais 100 unidades foram produzidas em 1930, ficando o modelo J ficou aquém da meta inicial de vender 500 carros por ano.

O motor do modelo J era baseado nos motores de competição dos anos 20 da Duesenberg. Este motor tinha 265cv a partir de um motor de 8 cilindros em linha e quatro válvulas por cilindro e era capaz de levar o modelo J a uma velocidade máxima de 192 km/h. Era o automóvel mais rápido e mais caro no mercado americano!

Mais tarde, houve também uma versão "supercharged" chamada "SJ" que com 320cv podia atingir os 225 km/h e atingia os 97km/h em cerca de 8 segundos, o que era fabuloso para um carro que pesava 2,5 toneladas. Apenas 36 unidades foram produzidas deste modelo. Dizia-se que "The only car that could pass a Duesenberg was another Duesenberg—and that was with the first owner's consent." Os Duesenberg eram publicitados também como "The World's Finest Motor Car".

Inicialmente, o carro tinha muita saída na costa leste, mas à medida que a Grande Depressão avançava era Hollywood que “sustentava” a Duesenberg. Surgiu também uma versão mais curta (o segundo “S” era de short wheelbase) com uma potência aproximada de 400cv. Os únicos 2 exemplares construidos em 1935 (SSJ Speedster) foram entregues a Gary Cooper e a Clark Gable, que já tinha outro modelo J.

A Duesenberg terminou a sua produção em 1937 com a queda do império de Cord. Desde então, os carros fazem as delícias dos coleccionadores…

A publicidade…






Alguns exemplares…






O modelo SJ




Duesenberg J LeBaron Dual Cowl Phaeton (1930) – Signature Models

A miniatura é uma reprodução de um carro que era verdadeiramente espectacular, e embora tenha alguns detalhes interessantes, acabou por me desapontar um bocadinho. Francamente, esperava um pouco melhor ao nível dos detalhes. Em todo o caso, é enorme, tem uma presença fantástica e vai ficar muito bem na vitrine.

Acabei por não tirar a capota, porque a coisa não estava fácil e não queria arriscar. Podia dar asneira…

Do ponto de vista do molde parece-me bastante bem, bem como a nível dos faróis frontais e traseiros. As jantes raiadas podiam ser melhores. Ou seja, no exterior, francamente bem. Depois tem a abertura única do capot. A nível do motor é razoável e o interior bem que poderia ser um pouco melhor. Mas é uma peça sempre espectacular!!!

Não tenho muitas fotos, esta sessão não me saiu muito bem, mas vamos às fotos…











Continua…
« Última modificação: 30 de Junho de 2013, 12:09:47 por buckrog »
O mundo está cheio de coisas bonitas...


Visitem a garagem do Buckrog, que vale bem a pena...
-> http://www.forum-diecast.pt/index.php?topic=7741.0